MOSTRANDO

SÓ PARA LEMBRAR, QUE ALGUMAS VEZES ESTOU POSTANDO NOS OUTROS ESPAÇOS DO SÍTIO, DAQUI. OU ESTOU ISOLADA EM ALGUM SÍTIO DE CÁ, FORA DO MUNDO BLOGAL.


Tenho postado AQUI ou AQUI

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Texto em Obras

em 21/10/08 acrscento:http://ohassan.blogspot.com/2008/07/liberdade-do-perdo.html

ATENÇÃO
ESTE TEXTO ENCONTRA-SE EM PROCESSO DE CONSTRUÇÃO.

Um Rascunho na página principal.
Pela primeira vez vou tentar elaborar, produzir um texto sem o deixar fluir...
Será modificado conforme minhas reflexões apontem nesse sentido. Ao ganhar a palavra Fim, será eventualmente reformulado ou continuado como outro texto.
Agradeço comentarios

.........................

DO PERDÃO E DO AMOR parte 2 - rascunho

Expandindo as reflexões a partir de comentarios recebidos, aqui e por caixa postal, assim como de pesquisa sobre os temas.
O Amor deve ser universal e portanto o perdão tambem ja que fazem parte de uma mesma equação perdão = amor. Mas talvez o que fica em questão é aquele sentimento que não sei o nome, onde o perdão está concedido e automàticamente (quase ) pois não quero vingança, porem não se quer aproximação de nenhuma espécie, por amor a si. Como denominar isto ? rancor?
O que as proprias tradições religiosas, em algumas de suas diversas vertentes propoem na questão do perdão como essencial para o desenvolvimento espiritual:
o cristianismo que propoe o perdão irrestrito, tem no entanto a contrição como requsito básico para a obtenção do perdão.
O islamismo propõe a retaliação na justa medida.
O taoismo, propondo a não ação, a principio nem envolve questões deste teor, porem requer mais pesquisa.
No budismo o Sansara
No hinduismo o Karma
Em mitos tradicionais menos conhecidos
..........................
perdão -> amor<- renovação <- despir-se de preconceitos ............................ aceitar -> querer-> amar/perdoar
o amor submete-se à prova exigindo perdão ?
qual dos dois, amor ou perdão se basta, em si ?
laços de familia e Amor?
ser moralmente ferido por familia é pior ?
traição-> descrença
Testes? falho sempre pois nem sei perdoar coisas pequenas e futeis, que aumento nos significados e que transformo em carro de guerra / escala micro , da guerra dos Pandavas - e onde a questão foi respondida por Krishna para Arjuna

Sistema de crença mosaico ( não de Moises mas de pequenos pedaços rearrumados ) Ecumenismo à moda.

E se fundamentada na regra de ouro, eu possa achar que certas coisas não tem mesmo perdão, mesmo se fossem atos meus ?

.....................................................................

a oração "Pai nosso" traduzida do aramaico para o português, sem a influência de gregos e religiosos, pelo tradutor linguístico Dr. Neil Douglas Klotz.(site:http://www.ramatis.org.br/traducao.htm ) Vale à pena lembrar que os gregos traduziram o nome do próprio Mestre, que em m aramaico é Yeshua:
Ó Força Procriadora ! Pai e Mãe do Cosmos. Focaliza Tua Luz dentro de nós, tornando-A útil.
Cria Teu reino de Unidade, agora.
O teu desejo Um atue,então, com, o nosso, Assim como em toda a luz E em todas as formas.
Dá-nos todos os dias o que necessitamos Em pão e entendimento.
Desfaz os laços dos erros que nos prendem, Assim como nós soltamos as amarras Com que aprisionamos A culpa dos nossos irmãos.
Não permitas que as coisas superficiais nos iludam.
Mas liberta-nos de tudo do que nos detém.
De Ti nasce toda vontade reinante, O poder e a força viva da ação,
A canção que se renova de idade A idade e a tudo embeleza.
Verdadeiramente-poder a esta declaração- que possa se o solo do qual cresçãm Todas as minhas ações:Amém.

E recebi por um amigo uma re-leitura da Oração de São Francisco:

Senhor, faz de mim um instrumento de tua paz.
E que eu encontre primeiro, em mim, a harmoniosa aceitação de meus opostos.
Onde houver ódio, fazei que eu leve o amor.
Aceitando o ódio que possa existir em mim e compreendendo todas as faces com que o amor pode se expressar.
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão.
e que eu me permita ofender para poder ser perdoado.
Onde houver discórdia, que eu leve a união.
E que eu aceite a discórdia como geradora da união.
Onde houver dúvidas, que eu leve a fé.
Podendo, humildemente, encarar minhas próprias dúvidas.
Onde houver erros, que eu leve a verdade.
E que a “minha verdade” não seja a única, nem os erros sejam só os alheios.
Onde houverdesespero, que eu leve a esperança.
E possa, primeiro, conviver com o desânimo sem me desesperar.
Onde houver tristeza, que eu leve alegria.
E possa suportar a tristeza, minha e dos outros, sendo alegre ainda assim.
Onde houver trevas, que eu leve a luz.
Após ter passado pelas “minhas trevas” e ter aprendido a caminhar com elas.
Oh, Divino Mestre...
Faz que eu procure mais: consolar do que ser consolado,
E que eu saiba pedir e aceitar consolo quando precisar,
Compreender, que ser compreendido,
E me conhecer antes, para ter melhor compreensão do outro,
Amar que ser amado,
Podendo me amar, em princípio, para não cobrar o amor que dou,
Pois: é dando que recebemos,
E sabendo receber é que se ensina a doar,
E perdoando que se é perdoado,
E não se perdoa a outro enquanto não há perdão por si mesmo,
E é morrendo que se nasce para a vida eterna.
E é bem vivendo e amando a vida que se perde o medo de morrer !

Reedição L S


em 3108
"Não há ofensa ou ofensor, mas tão somente ofendido"
(De http://www.saindodamatrix.com.br/archives/2007/09/por_que_perdoar.html)
http://www.saindodamatrix.com.br/

(do blog Da Floresta de Juramidam)
Olá dona Urtiga! Essa questão é bem simples: se perdoamos, esquecemos; se não esquecemos, podemos apenas desculpar. E, na verdadeira realidade, não temos que pedir perdão ao Senhor... Deus é perfeito e compreende nossas fraquezas. Um neném pede perdão por ter vomitado em nós? Tampouco precisamos esperar o pedido para poder perdoá-lo... Sendo assim, com a verdadeira compaixão fluindo, perdoamos a todos, mesmo àqueles que não fazem questão de perdão. Se queremos evoluir, não podemos querer ser iguais aos seres humanos medianos, mas devemos buscar ser iguais aos iluminados! Jesus não pediu que Deus perdoasse aos seus assassinos porque não sabiam o que faziam?? Também devemos perdoar a todas as falhas alheias porque temos muitas falhas semelhantes em vários aspectos.

Um comentário:

ROSÁLIA LERNER disse...

O teu blog anda feliz e soltinho !!
Esta oração é a cesta básica da vida sã.
Adorei relê-la no seu blog.
Obrigada por dar o aviso da Exposição,quando o convite estiver pronto te dou os detalhes,mas é uma coletiva Internacional de Aquarela que será inaugurada dia 13 de setembro na Pinacoteca de São Caetano.
Muito obrigada, adoro suas visitinhas, venha sempre!!
Abraço

Seguidores