MOSTRANDO

SÓ PARA LEMBRAR, QUE ALGUMAS VEZES ESTOU POSTANDO NOS OUTROS ESPAÇOS DO SÍTIO, DAQUI. OU ESTOU ISOLADA EM ALGUM SÍTIO DE CÁ, FORA DO MUNDO BLOGAL.


Tenho postado AQUI ou AQUI

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Desajuste

Penso que a alta velocidade em que meu corpo tem vivido uma boa parte do meu tempo recente está afetando algumas áreas de mim. A cada vez volto mais alterada, como se não fizesse de fato parte desta densidade nem desses níveis emocionais. Sinto a emoção mas é mais como se a emoção fosse " existida" por mim. E com tudo o mais tem sido assim: os sentidos, os cinco  sensoriais   mas tambem a compreensão de tudo que ocorre.  Ao mesmo tempo sujeito, objeto e observador.
Cada vez fica mais difícil manter um foco. Tudo desliza ràpidamente, como deslizam rápido as paisagens da minha janela. Está mudando minha percepção em um ritmo fàcilmente observável. Não estou tendo lapsos, nada assim, pelo menos não mais do que eventualmente tenho: um nome, um lugar, esquecimentos que há muito tempo um filho disse ser hd cheio. Não se trata disso, apenas de outro modo de ver, compreender, conceber.
 Sigo observando, pesquisando e até relatando. ( hshshs)

5 comentários:

disse...

Siga observando, pesquisando, relatando e desacelerando... rs
Beijoss

Pimenta disse...

Então,conta!QUem sabe aqui imobilizas um pouco o olhar e a emoção por um tempo para que possas olha-los com calma...
bjo

Beatriz disse...

É..
siga!
rs

Rubinho Osório disse...

Mas deve ser uma experiência aterrorizante, não???
Pra mim, o oposto: o mundo e a vida passando cada vez mais devagar. Tb aterrorizante!!!

samuel disse...

Talvez comecemos a dar menos importância a certas coisas...
É um direito!

Seguidores