MOSTRANDO

SÓ PARA LEMBRAR, QUE ALGUMAS VEZES ESTOU POSTANDO NOS OUTROS ESPAÇOS DO SÍTIO, DAQUI. OU ESTOU ISOLADA EM ALGUM SÍTIO DE CÁ, FORA DO MUNDO BLOGAL.


Tenho postado AQUI ou AQUI

domingo, 3 de janeiro de 2010

03/01/2010


"Ano Novo, vida nova", MESMO. Eu que nunca acreditei que ano mudava de fato, ou que algo mudava com a mudança das datas, não acreditava que existisse alguma magia, alguma sequência de eventos aleatórios ativadas por alguma data. Mas quem sabe, ativadas por algum fenômeno de comoção coletiva...Eu, que "cuspia p'ra cima", afirmando categòricamente que ano novo, resoluções, renovações, nada disso se manifestava dessa forma, aqui estou, com meu novo ano totalmente diferente do que jamais pude esperar, e, menos ainda, desejar. Necessàriamente tecendo projetos de vida compatíveis com minha atual realidade, com as circunstâncias que me atropelam desde o Natal. Bem se diz que quando se quer fazer Deus dar boas gargalhadas, é só formular um projeto de vida. A Omnisciência sabe que "não vai rolar". E quanto mais empenho no projeto, mais risadas. Te apresenta pedras no caminho. Penso que até joga algumas. No desvio, perde-se o rumo, a trajetória fica temporàriamente como que desorientada, até que novas estradas sejam descobertas, assim como os meios para percorre-las.

3 comentários:

Rubinho Osório disse...

Todo dia a gente começa um ano novo; todo dia, perdido, sem rumo... mas de alguma forma a gente acaba "chegando lá", isto é, ao final do ano que começou exatos 365 dias atrás.
Que este ano seja 10 pra vc!!!

Beatriz disse...

Realmente cada dia é um "ano novo".. Eu ainda penso que na passagem de ano, pel omenos para cada indivíduo especificamente, nada muda. Muda no nosso aniversário! Que bom que está bem!bjoss

CHRISTINA MONTENEGRO disse...

Novas (e surpreendentes) estradas, que SEMPRE vêm... BJS!

Seguidores