MOSTRANDO

SÓ PARA LEMBRAR, QUE ALGUMAS VEZES ESTOU POSTANDO NOS OUTROS ESPAÇOS DO SÍTIO, DAQUI. OU ESTOU ISOLADA EM ALGUM SÍTIO DE CÁ, FORA DO MUNDO BLOGAL.


Tenho postado AQUI ou AQUI

sábado, 31 de janeiro de 2009

Felicidade e desespêro

Nada como um dia após o outro, diz a verdadeira sabedoria, a do povo, mais sábia do que qualquer corrente filosófica, pois se apoia em evidências não em especulações.
Só para tranquilizar alguns que me leram ontem e passaram e-mails preocupados. Vou melhorar!
Bem, ontem fui continuar a romaria, dia em que nada avançou nem um mínimo aparente. Ao chegar em casa, o filho viajante me propõe um pequeno passeio, aqui, bem perto, porem no lugar que qualifico de O MAIS BONITO DO MUNDO QUE EU CONHEÇO. A beleza das montanhas, matas, o Sol brilhando em tudo, o som das cachoeiras, pequenas mas que em época de chuva avolumam-se e têm seu rumorejar ecoando pelo vale. Os cheiros da mata. É sentar e contemplar. É caminhar e contemplar.
Não ia lá a alguns anos. Sabem, a tal história do perdão? Pois é, aquele lugar, um pedaço daquele vale foi por mim comprado a tempos atrás, paixão desde a infancia. Adquirido com meus recursos, mas eu mal-casada, péssima escolha, muitos anos depois de separada, tenho aquilo compartilhado com alguem que não permite uso ou negocia por nenhum valor razoável a sua parte, pelo simples prazer de fazer sofrer. Como fez durante os anos da convivencia. Pronto! Falei! Dane-se o medo ! Aquele paraiso é meu de direito, mesmo que não o seja pelo terror. Existe justiça na terra? Não saberia dizer. Mas fui lá, desfrutei, por poucas horas, do lugar que gosto mais do que qualquer outro do mundo. Chorei, me emocionei, desejei ardentemente. E, apesar de tudo, fiquei feliz, pois voltei a sonhar.
É isso que quero ver todo dia ao abrir os olhos


É aqui o jardim que plantei um dia e queria cuidar para sempre.


Meu sol, minha água, minha vida


É aqui o meu lar, onde fico em paz. Senão estou condenada a ser errante pelo resto de meus dias.

Como posso amar um Deus que me castiga assim pelo simples fato de amar um lugar onde Ele se manifestou em Beleza, por ser apegada, por desejar viver lá, num paraiso? Ou que tem reservado coisas ainda piores, caso eu não me "submeta à sua vontade"?

( maldito seja o que de lá me afastou! Pois amaldiçoada estou por ter amado)

6 comentários:

Gaspar de Jesus disse...

Olá DONA
Beissimo este seu paraíso!
Formulo votos de lhe seja possivel continuar a disfrutar e a sonhar.
Seja feliz minha amiga.
G.J.

Dona Sra. Urtigão disse...

Gaspar
imagino o que voce não faria com seu olhar eternizando este lugar.

oimpressionista disse...

Srª Dª Urtigão: antes de me auto exilar em metrópole, conheci lugares semelhantes - menos montanhosos, apenas - que tratores devastaram uma vez, e o fogo e os canaviais revezam-se continuamente na tarefa de repetir a devastação. Se eu precisava de um conceito de inferno, passei a não precisar mais. Talvez o Deus (seja ele "eu sou", seja "não estou Lá") tenha sido bastante generoso permitindo que essas maravilhas continuem onde estão.

oimpressionista disse...

Depois fiquei pensando o quão arrogante fui nessa mensagem. Mas é que tive lembranças tristes sobre paisagens que eram tão bonitas que não mereciam pertencer a uma usina (ou a algum degenerado capaz de arrendá-las a uma usina). Fiquei amargo e a culpa não é toda alheia. De qualquer forma me desculpe, não tive a intenção de diminuir o que você sente sobre esse lugar maravilhoso.

Manolo disse...

Colega, se quiser ir visitar os palhacinhos, eles estarão em
http://diariodeumdeprimidocronico.blogspot.com/
Abraços, daqui

Dona Sra. Urtigão disse...

oimpressionista sem nome:
saudades da sua presença. Não considero nada de errado no que voce disse, a questão que enfrento é de não conseguir superar as paixões, o desejo, eu QUERO QUE QUERO viver e morar lá.
Abraço, não desapareça!

Manolo
decididamente voce não respeita os mais velhos. Diário de um deprimido? Ora vá! Arre! Aceito o seu convite, vou lá (fui) porque gosto de voce, mas já está na hora de mudar o modo de ver as coisas , sair da sombra, deixar de ser reflexo e ser o sol da sua vida!
(Finjo que é ironia mas estou a falar sério, menino ! )
Um grande abraço preocupado!

Seguidores